segunda-feira 13 julho, 2020
Home Notícia Quinta-feira azul para o Dia Mundial da Consciência do Autismo
EM QUARENTENA

Quinta-feira azul para o Dia Mundial da Consciência do Autismo

Todo dia 2 de abril, o dia é dedicado a educar a sociedade e torná-la um lugar para quem tem a condição. Este ano é colorido pela pandemia, que agrava a situação das crianças que precisam de rotinas rígidas e de poder sair para fora.

Desde 2008, a cada dois de abril, é comemorado o Dia Mundial do Transtorno do Espectro do Autismo (ASD), que é uma condição neurológica permanente que se manifesta na primeira infância até os três anos de idade

Em termos gerais, os dois sintomas que a caracterizam são

  • deficiências persistentes na comunicação e
  • interação social e, por outro lado,
  • a presença de padrões repetitivos de comportamento, interesses ou atividades.

Quando se fala em espectro, é feita referência à multiplicidade de formas em que aparece no menino ou na menina, variando de níveis cognitivos baixos a muito altos, diferentes desenvolvimentos de linguagem, presença ou ausência de outras doenças relacionadas, como alergias, doenças gastrointestinais , ansiedade ou depressão, entre outros.

No entanto, organizações que buscam tornar o sujeito visível e aumentar o conhecimento explicam que defini-lo como uma condição, e não de desordem ou espectro, é uma maneira de colaborar para desarmar preconceitos.

Os números que ilustram a representação do TEA na sociedade variam amplamente, variando de 1 em 59 a 1 em 160 crianças. Além disso, foi observado um aumento na prevalência nos últimos 50 anos, o que pode ser devido à maior conscientização e aprimoramento das ferramentas de diagnóstico ou à expansão das causas ainda desconhecidas.

As famílias marcadas por histórias de autismo explicam que um fator primário para o desenvolvimento ideal dessas pessoas é dado pela inserção social, uma vez que os sintomas são agravados pela inadequação do mundo em relação a elas (o diagnóstico geralmente é tardio, as obras sociais não são tratamentos de cobertura, escolas e professores não têm condições de abrigá-los e os mitos geram altas taxas de desemprego em adultos).

Nesse sentido, para a Organizaçao das Nações Unidas, o foco está no acompanhamento, uma vez que “o apoio e um ambiente apropriado e a aceitação dessa variação neurológica permitem que pessoas com distúrbios do espectro do autismo desfrutem das mesmas oportunidades e participar plena e efetivamente da sociedade ”.

Hoje é uma quinta-feira azul para o Dia Mundial da Consciência do Autismo.

Lenços azuis em quarentena

O isolamento obrigatório mudou as rotinas de todos, mas, sem dúvida, as famílias com membros com TEA devem superar as circunstâncias com estratégias impensáveis, porque estruturas temporárias são essenciais para elas.

Nesta quinta-feira azul, os pais, mães e cuidadores dessas crianças exigem que eles possam passear pelo menos uma vez por dia, uma vez que o confinamento acentua os sintomas, especialmente nos casos mais graves.

Considerando que existem 700.000 famílias afetadas, a necessidade é essencial. Nesse contexto, na Argentina, os adultos responsáveis ​​optaram por sair suas casas com um lenço de identificação azul, para que as forças de segurança não os intimidem por violar a quarentena.

No entanto, eles ainda estão aguardando medidas categóricas das autoridades, de acordo com a Lei Nacional nº 27.043, que declara a abordagem abrangente e interdisciplinar das pessoas de interesse no TEA e destaca a importância de coordenar ações para inclusão nos diferentes níveis educacional, trabalhista e social.

Manifestação em frente ao Congresso Argentino pela Lei do Autismo.

Primeiras indicações de meninos ou meninas com TEA

  • Falta de interação visual dos bebês com mais de dois meses com os pais
  • Ao final de seis meses, eles não sorriem quando estimulados
  • Não responda quando chamado pelo nome após nove meses
  • Depois do ano, eles não mostram objetos de seu interesse, não apontam, não fazem gestos ou gaguejam
  • Após cerca de um ano e meio, eles não dizem palavras
  • Quando têm mais de dois anos, não pronunciam frases com mais de duas palavras.
  • O menino ou menina perde qualquer tipo de habilidade que havia sido adquirida anteriormente
  • Eles mostram hipersensibilidade a sons, texturas ou imagens

Algumas verdades sobre ASD

  • Apesar da ausência de cura, um diagnóstico precoce é crucial para acompanhar a pessoa a partir de terapias e intervenções comportamentais projetadas para tratar sintomas específicos. O plano é elaborado com base em necessidades específicas devido à grande variedade de sintomas, habilidades e graus de incapacidade funcional que podem surgir.
  • Não há certeza quanto à causa, embora um componente genético tenha sido evidenciado graças a estudos de gêmeos idênticos cujos resultados mostraram que, se um gêmeo tiver TEA, o outro terá uma probabilidade de 35% a 95%.
  • Embora muitas pessoas com condição autista são perfeitamente capazes de estudar, trabalhar e atuar como outras, isso dependerá em grande parte do grau de afeto, do acompanhamento recebido na infância e das oportunidades que a sociedade lhes abre.
  • Estudos mostram que o TEA é mais frequente em homens do que em mulheres.
  • Diferentemente do preconceito que define a condição autista como sujeito com poucas habilidades, eles possuem habilidades valiosas para ouvir sem julgar, apresentam bom desempenho em tarefas mecânicas e repetitivas e podem aprofundar conhecimentos especializados, além de sua particularidade.
  • O Transtorno do Espectro do Autismo e a síndrome de Asperger não são sinônimos, mas o segundo é incluído no primeiro e geralmente é caracterizado como TEA sem incapacidade ou sem déficit intelectual, uma vez que possuem a mesma ou até maior capacidade intelectual.
Os pais procuram alternativas para adaptar as rotinas das crianças com TEA, apesar dos atuais tempos turbulentos.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

- Advertisment -

más leídas

Melhor do que levantar uma Bíblia é lê-la … e aprender

Na tarde de segunda-feira, 06/01, o presidente Donald Trump parou em frente à histórica Igreja Episcopal de São João., no centro de...

4 lições para os cristãos após o mês do orgulho LGBT

4 lições para os cristãos após o mês do orgulho LGBT, especificamente após 28 de junho (Dia Internacional do Orgulho LGBT).

Argentina em quarentena: as chamadas para o número 144 aumentaram 48% (violência de gênero)

Argentina 2020: Houve 48% a mais de ligações para 144 durante o confinamento, o que mostra que as desigualdades ainda são profundas...

O Belgrano que não conhecemos

200 anos após a morte de um patriota latino-americano, Manuel Belgrano. Mas o que sabemos sobre Belgrano? Quando ele...
Y conocerán la verdad, y la verdad los hará libres.